Notícia
11 de janeiro de 2022

Espi fomenta capacitação da Prefeitura e revoluciona Bolsa Universidade

A Prefeitura de Manaus vem batendo recordes nos programas Bolsa Universidade e Bolsa Idiomas. Com isso, impulsiona o treinamento e a capacitação em massa de seus servidores. A ação ocorre por meio da Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi). O órgão vinculado à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad) surgiu […]

por thelsonsouza

A Prefeitura de Manaus vem batendo recordes nos programas Bolsa Universidade e Bolsa Idiomas. Com isso, impulsiona o treinamento e a capacitação em massa de seus servidores.

A ação ocorre por meio da Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi).

O órgão vinculado à Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad) surgiu da junção de duas antigas fundações e se tornou subsecretaria.

Nesse sentido, sob a gestão do subsecretário Júnior Nunes e diretrizes do prefeito David Almeida, que englobam a priorização da educação a quem mais precisa.

Bem como o maior alcance das capacitações de servidores desta municipalidade, vêm sendo seguidas à risca.

Programas de Inclusão Socioeducacional

O Programa Bolsa Universidade da Prefeitura de Manaus é um programa socioeducacional. Dessa maneira, concede bolsas de estudo integrais (100%) e parciais de 75% (setenta e cinco por cento). Do mesmo modo, 50% (cinquenta por cento) do valor das mensalidades dos cursos de graduação e sequenciais de formação específica.

Isso a estudantes de baixa renda, comprovadamente sem condições de custear seus estudos, em Instituições Particulares de Ensino Superior.

Já no início da nova gestão, a Espi promoveu a revisão automática de percentual dos bolsistas que já usufruíam do Programa Bolsa Universidade (PBU).

Bolsas de 50% passaram a ser de 75% e as de 75% passaram a ser integrais, na modalidade “com isenção tributária”.

A nova Diretoria também realizou, já no primeiro semestre, o processo seletivo 2021/2, ofertando 16.000 bolsas, sendo mais de 500 de 100%.

Esse quantitativo é superior aos três certames anteriores juntos, levando mais de 40.000 (quarenta mil) candidatos a se inscreverem e acreditarem na seriedade do programa.

Encontro com bolsistas

A Espi realizou a primeira edição do Encontro com Bolsistas, reunindo aproximadamente 250 estudantes no auditório da Câmara Municipal de Manaus.

A fim de integrar os novos beneficiários do PBU 2021/2, bem como apresentar a legislação dos programas. Ou seja, alertar aos novos bolsistas seus direitos e deveres para com esta municipalidade.

O trabalho não parou por aí. Visando ampliar o número de cidadãos beneficiados com os programas de inclusão socioeducacional da Prefeitura, a Espi lançou o processo seletivo do Bolsa Universidade 2022/1.

Dessa forma, oferta de mais de 34 mil vagas, com a bem-sucedida parceria com 17 Instituições de Ensino Superior, no aniversário da cidade de Manaus.

O Programa Bolsa Idiomas também teve seu processo seletivo 2022/1, disponibilizando mais de 27 mil benefícios à população manauara.

A Espi, neste momento, finaliza a distribuição de vagas remanescentes de seus últimos processos seletivos dos programas Bolsa Universidade. Assim como da Bolsa Idiomas, e já prepara uma nova edição do aguardado Bolsa Pós-Graduação.

Ações de Capacitação

O Catálogo de Cursos 2021 da Espi chegou com suas 74 ações de capacitação, que somaram cerca de 7 mil vagas, presencialmente ou à distância.

Conforme o resultado, foram quase 4,5 mil pessoas qualificadas, entre servidores públicos, estagiários, aposentados e pensionistas do município. Além de microempreendedores, permissionários, bolsistas dos programas de inclusão socioeducacional da Prefeitura e membros da comunidade.

A Espi também foi responsável pela integração dos novos estagiários da Prefeitura. Por isso, promoveu um treinamento específico para as atividades desenvolvidas por eles, em EAD, capacitando inicialmente 200 pessoas.

Além disso, a assinatura do termo de cooperação técnica com a Secretaria de Administração e Gestão Do Estado Do Amazonas (SEAD) beneficou servidores da prefeitura. Por exemplo, ofertou de 23 cursos na modalidade de educação a distância a custo zero para os cofres municipais e para o próprio quadro de funcionários.

A Espi assinou termos de cooperação técnica com o Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) e com o Tribunal de Justiça do Estado do Amazonas (TJ-AM). Buscando maior agregação e troca de conhecimento, bem como a realização de eventos de grande porte na área jurídica.

Semana do Orçamento Público

Sobretudo, vale lembrar a esperada retomada da Semana do Orçamento Público, uma importante discussão com servidores e a sociedade, com 3 dias de duração, em parceria com a SEMEF.

O evento faz parte do calendário da Cidade e não foi realizado em 2020 em razão da Pandemia ocasionada pelo covid-19.

A Espi realizou treinamentos especiais para a Guarda Municipal, através do curso “Atualização dos Procedimentos Operacionais”, “Primeiros Socorrosco” e “Preservação da Ordem Pública”, com aulas teóricas e práticas, e prepara toda a parte teórica necessária para o armamento da mesma, um dos compromissos do prefeito David Almeida com a cidade de Manaus.

O curso “Atendimento Humanizado” foi mais uma ação de capacitação promovida pela Espi, destinada aos servidores do Manausmed.

Melhorias na infraestrutura também merecem ser destacadas, como a inauguração do laboratório de informática e a reabertura do auditório da Espi na Galeria dos Remédios.

O ato foi marcado pela realização do curso “Novas Estratégias para Atrair Clientes em Tempos de covid 19”, em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura, Abastecimento, Centro e Comércio Informal (SEMACC), que contou com a participação de 50 microempreendedores.

Parcerias

Outras parcerias de sucesso foram as realizadas com a Fundação Doutor Thomas (FDT) e com a Manaus Previdência (MANAUSPREV), com a oferta de duas turmas de Cuidador de Idoso, três turmas de Cuidador Comunitário, Inglês Básico.

Do mesmo modo com a PREPARAPREV, ação voltada aos servidores aposentados e pensionistas, capacitando os participantes acerca das mudanças acarretadas pela Emenda Constitucional nº 103.

Visando estender os benefícios inclusivos ao quadro funcional da Prefeitura, a Espi viabilizou a concessão de descontos com faculdades e escolas particulares para filhos dos servidores municipais em educação infantil, ensino fundamental e médio por meio de convênio.

Missão contínua

​Consolidada há mais de 25 anos com o papel estratégico na gestão municipal, a Espi tem realizado com maestria seu maior objetivo, que é a formação e qualificação dos recursos humanos da Prefeitura de Manaus.

Assim como a inclusão de cidadãos de baixa renda no mercado de trabalho por meio da qualificação educacional, seja por cursos de graduação ou pós-graduação, seja pelo aprendizado de novos idiomas.

O órgão realiza um trabalho incessante no que tange à disseminação do conhecimento, não somente pela promoção de cursos.

Mas também por meio de soluções educacionais inovadoras, pensadas e desenvolvidas a partir das realidades específicas de cada órgão que compõe esta municipalidade, bem como dos habitantes da capital amazonense.

Portanto, o trabalho segue e os avanços são certos em uma gestão envolvida e focada em suas metas.


Texto: Divulgação

Foto: Thelson Souza

Outras Notícias

ver mais

Comentários

Opinião

ver mais

Galeria

ver mais

Newsletter